logo-completa

Secretário da Infraestrutura fala sobre situação das rodovias em reunião da FACISC

marketing

26/04/2024

Compartilhe

O secretário de Estado da Infraestrutura, Jerry Comper, participou na manhã desta quinta-feira (25) da reunião de diretoria da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (FACISC). A pauta do encontro foi a situação das rodovias estaduais, demanda pertinente a todas as regiões catarinenses.

Acompanhado da sua equipe técnica, o secretário apresentou, o pacote de investimentos de R$ 2,8 bilhões que está em execução por meio do programa Estrada Boa, do Governo do Estado, com 45 obras em andamento em todas as regiões. Ele enalteceu ainda que para os próximos dois anos estão previstos, ainda, R$ 1,4 bilhão para conservação de rodovias.

O maior investimento em rodovias está previsto para região Meio Oeste, para onde devem ser destinados R$532 milhões para infraestrutura rodoviária, correspondendo a 19% do total do valor. Atualmente, segundo a equipe do Governo, oito obras estão em andamento na região, entre elas a ligação entre Frei Rogério e Fraiburgo, na SC-452; o trecho da SC- 464, entre Macieira e Arroio Trinta, e a ligação entre os municípios de Lebon Régis e Curitibanos, na SC-120.

Região

Questionado a respeito do trecho que liga a região à BR-116, onde a condição da rodovia é precária, o Secretário informou que a estrada também deverá receber investimentos. Outro ponto apontado durante a reunião foi a importância da manutenção das rodovias para o escoamento da produção. O destaque são os municípios do grande oeste, chamando a atenção para a importância econômica desta região. A atenção ao excesso de peso dos veículos de transportes e a recuperação da parte da estrada na SC-135, levada pelas águas em novembro, também foram abordadas.

O presidente da FACISC, Elson Otto, destacou a necessidade de acompanhar estas informações. “Entendemos que a demanda da secretaria é grande. Ainda assim, é nosso dever olhar para a infraestrutura, que é a pauta que mais nos preocupa, pois é a mais pontuada no programa Voz Única, da FACISC, que mapeia as prioridades dos empresários catarinenses para os candidatos nas eleições”, destaca.

O vice-presidente regional da Federação, Eliandro Pazin, enaltece que a ACIAV vem acompanhando o andamento do programa. “Essa é a nossa principal bandeira.  O Meio Oeste está entre as regiões que mais exportam, e o maior desafio está relacionado ao transporte das mercadorias, principalmente até os portos. A vice-presidência regional continuará levando este pleito adiante, buscando melhorias. As notícias são boas, mas o trabalho continua para que tenhamos estradas em boas condições de trafegabilidade, ligando a região ao restante do Estado”, completa.

Voz Única Municipal

Sendo assim, foi lançada nesta semana, na reunião de diretoria da FACISC com vice-presidentes regionais, a versão municipal do Voz Única. O documento é inédito e será utilizado durante a campanha eleitoral para prefeito, vice-prefeito e vereadores, que acontece neste ano. O projeto nasceu como um raio-x das principais necessidades para o desenvolvimento do estado.

Conforme Eliandro, o documento dá voz aos anseios da classe empresarial. “Está é uma oportunidade de repassar aos futuros representantes políticos as necessidades sob o ponto de vista dos empresários.  Vamos dar continuidade a este trabalho, a exemplo do que já fizemos em Videira nas duas últimas eleições, apresentando nossos pleitos, principalmente em questões ligadas à de infraestrutura, saúde, segurança pública e social, contando com o apoio do Conselho de Desenvolvimento de Videira (CODEVI)”.

O Voz Única é uma iniciativa estadual e federal que disponibiliza à sociedade uma ferramenta que orienta e informa sobre as demandas catarinenses, do ponto de vista empresarial, de forma sistematizada, acessível e participativa. A nova etapa do projeto acontece nos municípios, com protagonismo da Associação Empresarial e a expertise da FACISC.

Escola Sesi de Referência

Eliandro está participando ainda de ações realizadas pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), entre elas reuniões do Conselho do Sesi e do Senai. Além disso, nesta sexta-feira (26) participa da entrega da Escola SESI de Referência, em Joinville, a maior do Brasil, com 25 mil metros quadrados. “Sendo assim, a escola de Joinville é modelo para Videira, onde está em andamento uma obra semelhante. A escola será entregue no próximo ano, o qual já recebeu mais de R$30 milhões em investimentos. Dessa maneira, a previsão é que a instituição atenda mil alunos”, comenta.

A estrutura, que recebeu mais de R$ 150 milhões em investimentos, está em funcionamento desde fevereiro. Atende 2 mil estudantes, com previsão de chegar a 5 mil nos próximos anos, do ensino fundamental ao médio. Além disso, oferece atividades no contraturno escolar. A escola inclui biblioteca, 14 laboratórios, 51 salas de aula, quatro quadras poliesportivas, piscina semiolímpica e espaço para o cultivo de horta.

Newsletter

Inscreva-se em nossa lista e receba  nossos conteúdos e notícias por e-mail.

Acompanhe nas redes sociais

LEIA TAMBÉM

Fique por dentro
Associe-se a ACIAV!

Juntos, somos mais.

Além de contribuir com o desenvolvimento de Videira, sua empresa tem acesso a vários benefícios e vantagens.